Após denuncia, Unimed Cuiabá diz que vai obedecer ordem do MP e vai voltar a fazer cirurgias eletivas


A Unimed Cuiabá instituiu o termo de assunção de responsabilidade e consentimento livre


PEDRO RIBEIRO/DA EDITORIA/COM ASSESSORIA

download-70.jpg

Foto: Arquivo

A Unimed Cuiabá diz em nota, que a partir de hoje(quinta feira, 21) vai voltar a prestar serviços de agendamento, atendimentos eletivos e procedimentos médicos em sua unidade ambulatorial, em Cuiabá.

 

 

Sem comunicar aos usuários do sistema e que estão religiosamente em dias com os pagamentos das mensalidades, a Unimed não está fazendo mais os atendimentos em seu Centro de Especialidades Médicas. Os referidos serviços foram suspensos pela operadora no dia 12 de maio.

 

Em nota enviada ao Página 12, a empresa diz que segue determinação da Agência Nacional de Saúde(ANS). Ela diz, no entanto, que os hospitais, clínicas e laboratórios credenciados são responsáveis pela decisão de manter ou não o atendimento eletivo.

 

 

Nesta quinta feira, 21, ela – afirma –  que para a segurança de pacientes, médicos cooperados e prestadores de serviços que optarem por realizar cirurgias eletivas durante a pandemia de coronavírus, a Unimed Cuiabá instituiu o termo de assunção de responsabilidade e consentimento livre e esclarecido para realização de cirurgia eletiva como medida para reduzir os riscos de propagação do covid-19. A medida é válida a partir do dia 21 de maio.

 

O documento deve ser assinado pelo paciente e pelo médico responsável no ato da solicitação do procedimento, e pelo hospital prestador do serviço. É uma exigência prévia às autorizações de procedimentos de beneficiários de Cuiabá. A via digital, com assinatura legível das três partes, deve ser enviada pelo whatsapp 0800 882 0800 ou pelo e-mail pedidos@unimedcuiaba.coop.br, ou entregue presencialmente na sede administrativa da Unimed Cuiabá.

 

*Legislação* – O decreto municipal nº 7898, de 9 de maio de 2020, define, em seu 18º artigo, que deve ser suspenso o agendamento e atendimento de consultas e procedimentos eletivos em unidades de saúde da cidade. Conforme o Decreto, a suspensão vai até 31 de maio de 2020, podendo este prazo ser prorrogado. No entanto, a Unimed Cuiabá reforça que clínicas, laboratórios e hospitais da rede credenciada são responsáveis pela decisão de manter ou não o atendimento e os procedimentos eletivos.

 

A Cooperativa ressalta que continua encaminhando as autorizações normalmente, nos termos preconizados pela Agência Nacional de Saúde (ANS), com a exigência da assinatura do termo de consentimento pelas partes envolvidas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Culinária

Culinária

Dicas de Saúde

Dicas de Saúde

Onde ir em Mato Grosso

Onde ir em Mato Grosso

Curiosidades

Curiosidades

scroll to top