Prefeito de MT tem bens indisponíveis em mais de R$ 650 mil por improbidade administrativa


A ação refere-se a  fraude na aquisição de “rachão”, um tipo de pedra, pela prefeitura para execução de obras entre os anos de 2017 e 2018


PEDRO RIBEIRO/DA EDITORIA/COM MP-MT/COM G1

fabio-1.jpg

Foto: G1

O prefeito de Alto Taquari(509 km de Cuiabá), Fábio Mauri Garbúgio, teve os bens indisponíveis em mais de R$ 650 mil por improbidade administrativa.

 

A ação refere-se a  fraude na aquisição de “rachão”, um tipo de pedra, pela prefeitura para execução de obras entre os anos de 2017 e 2018.

 

Segundo denuncia do Ministério Público, entre os anos de 2017 a 2018 o município comprou rachão das empresas O Goiano Produtos e Serviços e JRB Empreendimentos, ambas com mesmo CNPJ, de propriedade de José Rodrigues Braga e José Balduíno de Souza, entretanto, apurou-se que o produto era na realidade extraído da Mineradora Taquari, de propriedade de Lairto João Sperandio (formalmente registrada em nome do filho dele, Lairto João Sperandio Filho), pelos caminhões e motoristas da prefeitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Culinária

Culinária

Dicas de Saúde

Dicas de Saúde

Onde ir em Mato Grosso

Onde ir em Mato Grosso

Curiosidades

Curiosidades

scroll to top